BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Pra você, para a flor do meu jardim.

Camila, acorde antes do sinal da escola.
Pare de andar com esse jeans todo rasgado e essas ideias comunistas.
Era talvez o que ela ouvia.
Lembro-me de sua guitarra, de Malibu, à capela, na Led Slay. Ela morena e de coroa.
Boas lembranças.
Ou quando ficávamos por horas na sacada, saudosismos com gostos de bala garoto e bombons de morango.
Pintávamos madeixas e almas. Nosso refúgio era a viola adesivada, o rádio na porta, o Nietzche que tá em casa até hoje, e alguma blusa, brinco, ou bilhete, dentro de uma gaveta esquecida, uma bolsa velha, uma sensação de infância de outrora.
As rosas vermelhas, o golfinho de caneta, a primeira viagem pra praia, a primeira noitada, a primeira desilusão.
Vi teus cabelos negros, vermelhos, e agora moça feita, de cabelos de ouro. Os olhos de Capitu.
Um talento, um paradigma.
Visceral, tortuosa, estonteante.
Naturalmente livre, perigosamente viciante.
Para TI, neste dia,
Da tua primavera,
Rosa, como você diria
'IMPONENTE NA ROSEIRA'.

0 comentários: