BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

domingo, 23 de agosto de 2009


"-Sabe a garota do copo de água?
- Sei.
- Se parece distante.
- Talvez seja porque está pensando em alguém.
- Em alguém do quadro?
- Não, um garoto com quem cruzou em algum lugar, e sentiu que eram parecidos.
- Em outros termos, prefere imaginar uma relação com alguém ausente que criar laços com os que estão presentes.
- Ao contrário, talvez tente arrumar a bagunça da vida dos outros.
- E ela? E a bagunça na vida dela? Quem vai arrumar?"
[O Fabuloso destino de Amelie Poulain]

*Seu coração não tinha nenhuma patologia. Era apenas sua reação 'acelerada' por ter o toque de seu distante pai.
-'Eu perfuro as folhas do jardim de minha mulher, para me lembrar do antigo trabalho. A gente precisa estravasar de algum jeito.'
-'Sim, eu jogo pedras no rio.'


*Colecionava rostos.Aqueles que eram rasgados e jogados em baixo da máquina de fotografias.
*Escreveria uma carta para a triste viúva.
*Bagunçaria a vida meticulosa do feirante mal humorado.
*Mostraria um 'novo mundo' ao ossos de vidro.
*Uniria o neurótico à hipocondríaca.
*Daria o prazer ao escritor fracassado, sua frase no muro proferida.
*Se esquivaria de viver seu amor, em jogos de fantasia.

[enquanto não encontrava o amor, Amèlie, dava espaço aos pequenos prazeres da vida.]
=****

0 comentários: